sexta-feira, 22 de maio de 2015

Vacinação foi prorrogada nos estados de PE, RJ, SP, SC e AL.
Último balanço oficial indica que 38,6% do público-alvo foram vacinados.

 

 Idosos estão entre público alvo da campanha (Foto: Divulgação / Ascom Araruama)Idosos estão entre público alvo da campanha de vacinação contra a gripe (Foto: Divulgação / Ascom Araruama)


A campanha federal de vacinação contra a gripe acaba oficialmente nesta sexta (22), mas alguns municípios e estados, como São Paulo, Pernambuco, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Alagoas, anunciaram prorrogação local. Entre as cidades que seguirão vacinando estão, por exemplo, Santarém (PA) e Petrolina (PE).
Técnicos do Ministério da Saúde avaliam se a campanha será prolongada nacionalmente. Segundo a pasta, a um dia do fim da campanha nacional de vacinação contra a gripe, 38,6% dos 49,7 milhões de pessoas que formam o público alvo da mobilização haviam sido vacinados. São 19,1 milhões de brasileiros receberam a vacina desde o dia 4 de maio, quando a campanha teve início. A meta do governo é atingir ao menos 80% do total previsto.
Fazem parte do grupo vulnerável as crianças de 6 meses a menores de 5 anos, doentes crônicos, idosos com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, povos indígenas, gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto, presos e funcionários do sistema prisional, além da população indígena.
A dose, via injeção, protege contra os subtipos do vírus influenza: H1N1, H3N2 e B.
De acordo com o ministério, como o organismo leva, em média, de duas a três semanas para criar os anticorpos que geram proteção contra a gripe, é fundamental realizar a vacinação no período da campanha para garantir a proteção antes do início do inverno. O período de maior circulação da gripe vai do final de maio até agosto.
No ano passado, 1.794 pessoas foram internadas em decorrência de complicações da gripe e 326 morreram. A cepa H1N1 foi a que provocou o maior número de óbitos (163), seguido do H3N2 (105).

De acordo com o ministério, o medicamento é contraindicado a pessoas com histórico de reação anafilática em doses anteriores e a quem tem algum tipo de alergia grave à proteína do ovo, uma vez que a dose é produzida em embriões de galinha.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte:G1

Cerca de 400 mil pessoas são aguardadas no evento de 10 dias

 

Foto: Cristino Martins/O Liberal

Uma homenagem ao Japão e aos 120 anos do Tratado da Amizade, que trouxe ao Brasil milhares de migrantes japoneses, em especial para o Pará, Paraná e São Paulo. Essa é a inspiração deste ano da XIX Feira Pan-Amazônica do Livro, de 29 de maio a 7 de junho, no Hangar - Centro de Convenções e Feiras da Amazônia. Ontem , a Secretaria de Estado de Cultura (Secult), que coordena o evento, reuniu-se com os representantes dos órgãos e assessores do governo para traçar as ações nas áreas de segurança e comunicação. Um total de 98 profissionais de segurança privada atuará no evento. Além disso, haverá a cobertura ambulatorial da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). “Nossa expectativa é receber cerca de 400 mil visitantes durante os dez dias da feira. Em média, durante a semana, cerca de 30 mil pessoas visitam o espaço diariamente”, informou a diretora de Cultura da Secult, Ana Catarina Brito.
A Polícia Militar vai atuar fora, dentro e nos arredores do Hangar, garantindo a segurança de todos os frequentadores do evento. Atuarão no esquema efetivos das companhias Independente de Policiamento Turístico (Ciptur) e de Policiamento Escolar (Cipoe), além da Ronda Tática Metropolitana (Rotam), com o apoio de outras guarnições e viaturas.
Estiveram presentes na reunião representantes da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, Secretaria Municipal de Economia (Secon), Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob) e Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran).
Na reunião geral, participaram ainda assessores de comunicação do governo para definir os detalhes da cobertura da XIX Feira Pan-Amazônica do Livro. A equipe vai contar com jornalistas de vários órgãos e secretarias, como Secult, Secom, Susipe, Pará 2000, Uepa, Seduc, Ioepa, Fasepa e Prodepa. O site da feira já está no ar, com toda a programação: www.feiradolivro.pa.gov.br






















Fonte: Portal ORM

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Jovem ficou conhecida ao devolver cheques achados no lixo a hospital.
Solteira, ela estampa campanha do Dia dos Namorados e sonha com carreira.

 Ex-catadora de lixo estrela campanha publicitária de shopping em Barretos, SP (Foto: Leonardo Luz/Grupo Luz)Ex-catadora de lixo estrela campanha publicitária de shopping em Barretos (Foto: Leonardo Luz/Grupo Luz)

 

 Sem emprego fixo desde que deixou o barracão onde trabalhava, a ex-catadora de recicláveis Ana dos Santos Cruz, de 23 anos, mostra a beleza em uma campanha publicitária de um shopping em Barretos (SP). A jovem ficou conhecida em janeiro deste ano por ter devolvido ao Hospital de Câncer da cidade os R$ 250 mil em cheques provenientes de doações à instituição, encontrados por ela no lixo.

Após ser produzida, maquiada e fotografada para a campanha, Ana está otimista e faz planos para a carreira de modelo. “Foi um sonho realizado e pretendo continuar com isso, com certeza”, diz.
Para atuar como garota-propaganda na ação do Dia dos Namorados, ela recebeu um cachê de R$ 250. Nas fotos, a ex-catadora aparece abraçada a um modelo, sugerindo a selfie de um casal apaixonado.
A foto já aparece no site do centro de compras e deverá ser veiculada também na televisão, e estampar outdoors espalhados pela cidade.
Ana diz que ainda não passou por nenhum tipo de assédio com a exposição, mas que a família aprovou a nova empreitada da jovem. “Meu filho disse que eu estava linda e todo mundo gostou e aprovou.”

 Ex-catadora ganhou book fotográfico de agência de modelos (Foto: Divulgação/André Pereira Models) 
Ex-catadora ganhou book fotográfico de agência de
modelos (Foto: Divulgação/André Pereira Models)





















Fonte: G1

 

A taxa de inscrição é de R$ 63.
Provas vão ser nos dias 24 e 25 de outubro.

 

 As novas regras para o Enem deste ano foram publicadas nesta segunda-feira (18) pelo Ministério da Educação.
A primeira mudança é na taxa de inscrição, que subiu. Nos últimos dez anos ela custou R$ 35 e, agora vai custar R$ 63. É que o governo pretende reduzir em 20% os gastos com o Enem. Por isso também, o MEC não vai mais enviar pelo correio o cartão de inscrição.
Mas o candidato tem que anotar ou imprimir, e guardar o número de inscrição e a senha. As inscrições começam na próxima segunda-feira (25) e terminam dia 5 de junho. As provas vão ser nos dias 24 e 25 de outubro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: G1

“Esta é uma das maiores violências à federação: Não compensar os Estados que contribuem de forma decisiva para o equilíbrio das contas do país"

 

Foto: Gerdan WesleyFoto: Gerdan Wesley 

O governador Simão Jatene participou nesta quarta-feira (20) de encontro que reuniu governadores de todo o Brasil no Congresso Nacional, em Brasília, tendo como tema a busca de um pacto federativo que propicie a distribuição mais equilibrada dos tributos recolhidos no país. Jatene foi escolhido para falar em nome dos Estados da Amazônia e elogiou a iniciativa do Senado Federal.
“Certamente, todos já participamos de alguma reunião sobre o Pacto Federativo, mas a história tem uma condição fantástica, que é o fato de nunca ser pré-escrita, e essa condição permite que o futuro possa ser diferente. É bom lembrar que o Pacto Federativo não é só distribuição de receitas e deveres, mas sim melhor prestação de serviços para uma sociedade cada vez mais ansiosa, inquieta e com grandes razões para isso”, comentou o governador.
No “Encontro de Governadores”, gestores estaduais de todas as regiões do país reclamaram da escassez de recursos para governar, pediram uma repactuação das obrigações orçamentárias, criticaram a União por reter a maior parte dos impostos e pleitearam maior diálogo com o Parlamento.
Falando pelos Estados da Amazônia e pelo Pará, Simão Jatene defendeu o avanço de temas que são abordados em conjunto por vários Estados e são comuns aos gestores. “As emergências são tantas que, se não tivermos algum cuidado, caímos no risco de discutir coisas que são fundamentais sim, mas deixando de lado outras que são absolutamente vitais para alguns Estados e a federação prevê, justamente, esse apoio mútuo em alguns pontos”, afirmou Jatene.
O governador listou alguns dos temas debatidos durante o encontro, apoiando as propostas. “Um desses pontos fundamentais é o uso dos depósitos judiciários por parte dos Estados. A desoneração de PIS/ Confins sobre o faturamento das companhias de saneamento é outro ponto que tem pouca divergência entre os Estados. São medidas concretas, possíveis de ser rapidamente feitas e que ajudam no equilíbrio das contas de Estados e municípios”, destacou o governador paraense.

Desigualdade – O governador do Pará, no entanto, chamou a atenção sobre a baixa compensação aos Estados exportadores por parte da União. “Esta é uma das maiores violências à federação: Não compensar os Estados que contribuem de forma decisiva para o equilíbrio das contas externas do país. Definitivamente, não dá para ser o segundo maior saldo da balança comercial brasileira e, ainda assim, apenas em 2014 termos um cenário em que mais de 2 bilhões de reais deixam de ingressar nos cofres dos Estados pela desoneração das exportações. E continuarmos percebendo que a compensação dessa perda tem sido cada vez menor”, defendeu Jatene.
Além disso, segundo o governador, “sequer termos tido um tratamento ou respeito mínimo com uma satisfação de previsão de pagamento. Quando a desoneração da exportação entrou em vigor, a compensação aos Estados exportadores chegou a mais de 90%, mas no ano passado não superou 5%. Esse é um tema que não tem como deixar de ser objeto de discussão se quisermos pactuar a federação”, afirmou Simão Jatene na reunião com dezenas de governadores e parlamentares.
O governador ainda destacou a necessidade de se recompor as fontes de receita dos fundos de Participação dos Estados (FPE) e dos Municípios (FPM). “Como ter mais e melhor saúde, educação, segurança, transporte, esporte e lazer, coisas que tanto impactam o cotidiano das pessoas, se cada investimento impacta nas nossas contas? A União faz uma política de isenção que nos reduz ainda mais as fontes desse fundo. Então, temos que discutir as questões emergenciais, mas não podemos mais imaginar que somos ou seremos uma federação se não formos capazes de enfrentar temas que são fundamentais para que esse país possa de fato se ver, se enxergar e funcionar como uma federação”, completou Jatene.
Depois da reunião, que durou cerca de três horas, o presidente do Senado, Renan Calheiros, designou uma comissão para, ainda nesta quarta-feira (20), sistematizar todas as sugestões de temas discutidos na reunião para dar encaminhamentos em busca de resolução dos problemas conjuntos. Na quinta-feira (21), Calheiros terá encontro com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, para definir os próximos passos da agenda federativa.























Fonte: Portal ORM

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Edifício de nove andares cedeu por volta das 11h30 locais.
Mais de 100 pessoas moravam no prédio, segundo as autoridades.

 

 



Um prédio residencial de nove andares desabou nesta quarta-feira (20) na China, deixando um número ainda desconhecido de pessoas desaparecidas, informou a agência oficial chinesa "Xinhua".
O edifício desabou por volta das 11h30 local (0h30, em Brasília) no distrito de Yunyan de Guiyang, a capital da província sudoeste de Guizhou.
Segundo as autoridades, 114 pessoas moravam no prédio, distribuídas por 35 apartamentos.
Um homem de sobrenome Zhang, resgatado e citado pela agência oficial "Xinhua", disse que acordou com o forte barulho e que estava a ponto de sair correndo quando ficou preso entre os escombros.
Outro homem que preferiu não se identificar se mostrou preocupado por sua cunhada, que vivia no nono apartamento e que não foi localizada, acrescenta a agência.
Os residentes dos edifícios próximos foram evacuados depois do incidente por medo de mais desabamentos, enquanto a causa do acidente está sendo investigada.


 Equipes de resgate trabalham nos destroços de um prédio que desabou na China (Foto: China Daily/Reuters)Equipes de resgate trabalham nos destroços de um prédio que desabou na China (Foto: China Daily/Reuters)




 Equipes de resgate trabalham nos destroços de um prédio que desabou na China (Foto: China Daily/Reuters) 
Equipes de resgate trabalham nos destroços de
um prédio que desabou na China (Foto: China
Daily/Reuters)























Fonte: G1

Transição climática propicia formação de nuvens com ventos e relâmpagos

 

Chuvas fortes com ventanias e relâmpagos podem voltar a ocorrer em Belém, nos próximos dias, de acordo com o 2º Distrito de Meteorologia de Belém (Disme/Inmet). O meteorologista José Raimundo Abreu explicou que os vendavais costumam acontecer em meses de transição climática. São, segundo Abreu, nuvens cumulonimbus que se formam rapidamente, provocando descargas elétricas e ventos fortes. O meteorologista explicou que o 2º Disme detecta aumento na velocidade dos ventos até duas horas antes, mas este tipo de ventania ocorre de forma isolada e com curta duração.
“Não temos como prever os locais que serão mais impactados pelo vendaval”, afirmou. Ele explicou ainda que a formação vertical é característica das nuvens cumulonimbus, que possuem um “sistema caótico” e um desenvolvimento rápido. “Os grandes deslocamentos de massas de ar que acontecem em pouco tempo contribuem para a força das ventanias. Não há interferências humanas que afetem esses fenômenos”, esclareceu. De acordo com Abreu, o sistema de chuvas deve permanecer até o dia 26.  


Foto: Everaldo Nascimento/O LiberalFoto: Everaldo Nascimento/O Liberal  A chuva forte que caiu no final da noite de segunda-feira e se estendeu pela madrugada de ontem foi suficiente para ultrapassar o volume pluviométrico previsto para o mês. A média esperada para maio era de 305,5 milímetros (mm), mas já chegou a 311,8 mm. Durante as quase nove horas de chuva entre segunda e terça, a estação convencional do 2º Disme registrou 58,2 mm. Depois de altas temperaturas nos últimos dias, o meteorologista disse que a inversão é atípica, mas que os dias de sol e calor voltarão já no fim de maio. “Estávamos tendo temperaturas de 33ºC, mas com predominância de nebulosidade. No entanto, junho será mais seco e 70% das chuvas no próximo mês cairão após às 18h”, reforçou.                  Fonte: Portal ORM

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Atacante brasileiro ganha Campeonato Espanhol com 22 gols marcados, mas só pensa nas duas próximas finais, e em conquistar a Europa pelo Barça

 

 

 

Neymar nem comemorou direito seu primeiro título grande pelo Barcelona, e já voltou para casa pensando em mais. Competitivo nato, o brasileiro, que ao ganhar o Campeonato Espanhol levou a primeira liga nacional de sua carreira, mira os dois próximos objetivos: ganhar a Champions League e a Copa do Rei, e ser campeão de tudo o que o Barça disputa nesta temporada.

Faltam três jogos para Neymar finalizar um ano que se desenha perfeito, bem diferente do primeiro com os catalães, que teve problemas de lesões e preocupação com a justiça por sua transferência polêmica.  Com 37 gols na temporada - 22 só neste Campeonato Espanhol - ele é o terceiro maior goleador da Europa, e quer conquistar o continente. Além da última rodada da Liga, já vencida, contra o Deportivo La Corunã, o Barça tem a decisão da Copa no dia 30 de maio, contra o Athletic de Bilbao, e a da Champions em 6 de junho, contra o Juventus.

- Estou muito feliz pelo título, pelo que conseguimos. Ainda faltam dois que temos para disputar. Agora é focar nas próximas semanas para que a gente possa conseguir nosso objetivo - disse o camisa 11.

Neymar está respondendo com sucesso às expectativas de torcida e mídia espanhola por sua contratação, e mais importante, suas próprias. O brasileiro desenvolveu parceria de sucesso com Messi e Suárez, baseada em seu carisma e futebol - os três juntos têm 115 gols na temporada. Os problemas de bastidores com o técnico Luis Enrique foram superados, e o camisa 11 se tornou atleta de confiança: jogou todos os minutos dos últimos nove jogos do Barcelona sem ser substituído.

A cada partida mostrando um pouco mais do futebol que o fez se consagrar no Santos e na Seleção, Neymar já tem 52 gols pelo Barcelona. Apesar da Liga ser o primeiro título expressivo com a camisa azul-grená, já é o quarto no currículo espanhol: ele ainda soma dois torneios Joan Gamper, e uma Supercopa da Espanha. O próprio jogador reconhece, no entanto, que a importância da taça conquistada no último domingo, após vitória por 1 a 0 contra o Atlético de Madri, é muito maior.

- Espero que seja a primeira de muitas, e é a primeira das três do nosso objetivo nessa temporada - declarou, lembrando outra vez do sonho do triplete.

Apesar de não ter marcado no Vicente Calderón, e interrompido uma sequência de sete jogos balançando as redes sem parar, Neymar ainda lidera um recorde na temporada: ele abriu o placar, e o caminho para vitórias importantes, 17 vezes na temporada, enquanto Messi o fez em 16 ocasiões. Isto fez com que o jogador fosse um dos mais celebrados por torcedores durante a festa do título. Pela cidade de Barcelona, as diversas camisas 11 ostentadas por fãs eram as únicas capazes de competir com as 10 de Messi.

No final da festa, já na madrugada de domingo para segunda, o brasileiro ainda encontrou pique para descer do ônibus com entusiasmo e incendiar a galera que estava na porta do Centro de Treinamento do clube. Um gesto que ele espera repetir, mais de uma vez, nas próximas semanas de sua vida na Europa. 

 Neymar comemora título do Barcelona campeão espanhol (Foto: Cassio Barco)Neymar comemora título do Barcelona campeão espanhol (Foto: Cassio Barco)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Globo Esporte